Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

Esta cachorra ficou perdida por oito anos, até encontrar o caminho de volta para casa.

Este episódio aconteceu em Qingdao, uma imensa cidade portuária com mais de nove milhões de habitantes, no leste da China, na Província de Shantung. Depois de desaparecer e ficar perdida durante oito anos, uma cachorra finalmente conseguiu encontrar o caminho de volta para casa.

O universo parece agir sempre de maneiras misteriosas e surpreendentes. Um golpe de sorte finalmente reuniu a cachorra e a tutora, depois de um longo tempo de ausência. As imagens do reencontro foram postadas e compartilhadas nas redes sociais, comovendo milhões de internautas do mundo inteiro.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

Um vídeo de apenas alguns segundos foi publicado no Weibo, o equivalente ao Twitter na China, um blog com mais de 600 milhões de usuários. As redes sociais internacionais (como o Facebook e o Instagram) não podem ser acessadas no país e, por isso, o Weibo (palavra que significa microblog) faz muito sucesso e já foi descoberto por milhares de internautas do Ocidente.

O reencontro

A cachorra perdida se chama Dudou e a tutora, Tia Gao. As imagens do reencontro já foram visualizadas por mais de seis milhões de internautas e realmente são comoventes e falam muito sobre o relacionamento entre os cães e seus humanos.

A tutora de Dudou precisou deixar a cachorra com uma amiga, porque teve de viajar para cuidar da mãe idosa. A peluda parece não ter gostado do arranjo e, talvez com saudade da amiga, resolveu escapar e sair à procura dela.

Tia Gao permaneceu ausente durante quase um ano. Quando voltou para Qingdao, foi surpreendida com a notícia do desaparecimento. Ela nem sequer conseguiu encontrar a amiga com que tinha deixado Dudou, que tinha se mudado de casa sem deixar informações.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

A tutora simplesmente foi informada de que a cachorra tinha fugido pouco depois que ela viajou para cuidar da mãe doente. A vizinha, que tinha ficado responsável pelo pet, deixou a casa pouco tempo depois.

Alguns vizinhos informaram que Dudou ainda tinha sido vista rondando a casa e a rua, mas, depois de certo tempo, ela deve ter entendido que havia sido abandonada e estava por sua conta e risco: não restaram mais rastros para seguir em busca da tutora.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

Não havia muito o que Gao poderia fazer, já que, depois de tanto tempo, Dudou já deveria estar vivendo outras experiências. Restou a ela apenas lamentar a perda, mas a tutora não conseguiu se esquecer da boa amiga.

Os anos se passaram e, apesar da tristeza, Gao acabou se conformando com a perda de Dudou. Mas, certo dia, quando a cachorra era apenas uma saudade escondida no fundo do coração, a tutora pensou ter visto um animal parecido.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

Ele estava longo em frente à loja administrada por Gao, logo ao lado da nova residência – a família tinha se mudado. A cachorra ficou parada, apenas observando o vaivém de fregueses e entregadores. Ela estava acompanhada por um colega de rua, um peludo de pequeno porte.

Por fim, Dudou encarou firmemente a antiga tutora, como se a estivesse reconhecendo. Gao não conseguia acreditar no que estava vendo, mas arriscou chamar a cachorra pelo nome. Bastou pronunciar “Dudou” e a peluda correu em direção a ela.

Foi um reencontro memorável, digno de aparecer nas telas de cinema. Gao estava extremamente emocionada e Dudou pulou sobre ela, como se quisesse segurar a tutora pelos braços. A mulher não sabia o que fazer, não tinha palavras para explicar o que estava sentindo naquele momento.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

Felizmente, a filha de Gao filmou o reencontro. Ela estava voltando para casa quando percebeu o movimento dos cachorros. Com o celular, ela flagrou o abraço das antigas amigas, que não conseguiam conter a felicidade.

A surpresa e a comoção de Gao e Dudou rapidamente foram parar nas redes sociais. A filha da tutora postou o pequeno vídeo no Weibo, que recebeu mais de dez mil interações em apenas uma semana, entre curtidas, comentários e compartilhamentos.

Pode parecer pouco, comparando-se aos vídeos que viralizam no Ocidente, mas é preciso ter em mente que o Weibo é sujeito a censura prévia. Tanto os posts originais, quanto as respostas dos internautas, são triados pelos órgãos chineses de comunicação.

Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa

O reencontro chamou a atenção da imprensa local. A filha de Gao disse aos repórteres do Kankan News (um noticiário online da Ásia) que não sabia explicar como Dudou tinha encontrado o caminho – talvez ela tenha sentido o cheiro da amiga inesquecível.

Nos oito anos de ausência, a família tinha mudado duas vezes de residência. A loja de Gao tinha sido aberta apenas dois anos antes, em um local distante sete quilômetros do endereço original, em que Dudou tinha vivido.

Dudou deve ter passado por maus bocados no tempo em que viveu nas ruas. Evidentemente, Gao a acolheu imediatamente, assim como ao cachorrinho que a acompanhava. O veterinário avaliou que a cachorra já havia tido diversas ninhadas e provavelmente o peludo que a acompanhava era um dos muito filhotes.

Receba notícias e histórias do Cães Online no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/caesonline.

1 comentário em “Perdida por oito anos, cachorra encontra o caminho de volta para casa”

Deixe um comentário